No fim-de-semana que passou...


Foi dia dos namorados e fim-de-semana de Carnaval. Duas datas que não ligo e não gosto de toda a ênfase que as pessoas dão. Eu nunca gostei de me mascarar, por isso o Carnaval não me diz nada. Agora o dia dos namorados não é todos os dias? Precisamos de uma data específica para fazer uma surpresa ao namorado ou namorada! Acho que não! Todos os dias sou grata por ter ao meu lado alguém muito especial, que me faz sentir maravilhosamente bem. Aliás as demonstrações de amor devem ser feitas todos os dias aos namorados e a nós mesmos, pois se não tivermos amor próprio como é que conseguimos amar realmente alguém. 

Este domingo foi mais um dia que tentei ao máximo desligar-me das redes sociais. Ler muito e beber muito chá para aquecer, é como gosto de passar os meus domingos. Dar mimos e receber mimos...não querer fazer nada. Descansar e deixar descansar! Deixar os telemóveis em casa e aproveitar a manhã para fazer uma longa caminhada. Que soube tão bem! Talvez tenha conseguido convencer o Edgar a começar a fazer exercício todos os domingos...decidimos que vamos começar a fazer uma corrida matinal. No próximo domingo vou ver se consegui ou não! 

Aqui ficam os posts que mais gostei esta semana: 
- Uma mente flexível - The Busy Woman. Como em todos os textos da Rita, adorei cada palavra. Tenho exercitar mais a minha mente, para que seja mais flexível. Há dias que ainda sinto muito apego às minhas expectativas e nem sempre me lembro que as coisas nem sempre correm como eu desejo. 

- A gourmetização da felicidade - Fêliz com a Vida. Ter mais e melhor, fazer mais e melhor não é sinal de felicidade. Podemos encontrar a felicidade levando uma vida simples, com o que realmente é essencial para nós e não com o que a sociedade diz ser essencial.  

- Dicas para ter uma vida mais criativa - Respire. Ter uma vida criativa não é ser diferente, mas sim dar um pouco de nós, transformar o mundo num lugar mais humano e ser mais feliz. Deixar de ter medo de ser julgado só porque não seguimos o que a sociedade dita. 

- O segredo para a desacelerar - Slow Your Home. Não há nenhum segredo para abrandar a não ser parar. Temos que dar-nos momentos de não fazer nada...parar, respirar, agradecer. Mesmo que pensemos não ser a melhor altura, muitas vezes é altura certa. 

Estas palavras:
"Depois de muitas águas: lentas e calmas, fortes e devastadoras, finalmente aprendi que o importante é navegar. Nem sempre podemos controlar a intensidade dos mares, as turbulências que nos acometem, mas podemos aprender a navegar, a observar a paisagem que atravessa os caminhos ao invés de nos preocuparmos com o rumo da embarcação. Saber aproveitar a calmaria e entender que mesmo que navegando em ritmo lento, o barco não está parado nunca." - Coluna da Maiara do blog Uma Vida Mais Simples. 

Desejo uma óptima semana a todos!

créditos da imagem | astreeeaneee

4 comentários:

  1. Querida Raquel vejo que o fim de semana foi produtivo :) Descansar e relaxar faz-nos bem, carregar baterias é preciso. Leituras e chá é uma combinação perfeita, eu adoro e não vivo sem ela!
    Vejo que os bons hábitos permanecem, e com eles vem outros, e isso é tão bom. Não tenho qualquer dúvida que as coisas boas atraem ainda mais coisas boas. É tudo uma questão de força e determinação! É incrível as coisas que conseguimos e para isso basta acreditarmos em nós mesmos!
    Obrigada pelas tuas palvras e carinho. Gosto sempre tanto de te ler!
    E obrigada também por esta partilha dos links que nos deixas.
    Beijinho enorme e uma boa semana para ti!
    Catarina.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Catarina! Realmente os bons hábitos trazem outros bons hábitos e tenho sentido uma grande mudança na minha própria pessoa. Quando os resultados são positivos, faz-nos sentir tão bem!
      Eu é que agradeço por estares sempre dessa lado e de todas as coisas que me escreves :)
      Beijinho grande :)

      Eliminar
  2. Adorei ver o blog por aqui nas suas referências. Boa semana!

    ResponderEliminar